quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Mundo melhor!...

 
 
 
Jorge Amado usou esta trova de um poeta popular da Bahia na introdução da sua estória O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá. E eu acho estes versos tão lindos, tão verdadeiros e cheios de significado que os trouxe para aqui!
 
«O mundo só vai prestar
Para nele se viver
No dia em que a gente ver
Um gato maltês casar
Com uma alegre andorinha
Saindo os dois a voar
O noivo e sua noivinha
Dom Gato e Dona Andorinha»

Estêvão da Escuna
 
Quando é que vamos chegar a um mundo assim, em que todos convivam nesta paz e nesta alegria?
 
(imagem da net)

2 comentários:

  1. Infelizmente é uma utopia, cara amiga!

    Abraço

    ResponderEliminar
  2. Cada vez mais este desejo não passa disso: um desejo. Infelizmente!
    Bjinho

    ResponderEliminar